Busca por conteúdo, posts e vídeos

MATERNIDADE E PRIORIDADES

O que é prioridade pra você?

Narla Aguiar, repórter da Record, a eterna “biquinho de lacre”, divide o tempo entre trabalho e maternidade. Mas ela teve que responder à essa pergunta antes de engravidar.

Uma das estratégias usadas em sessões de terapia para saber como o indivíduo pode melhorar a vida, é proporcionar o “autoconhecimento”: o que é importante pra você? A partir daí, pelo menos 5 prioridades são elencadas para que se possa estabelecer um futuro trilhado de acordo com as suas necessidades para que se tenha uma vida mais feliz.

A repórter Narla Aguiar, que fez parte do time de Marcelo Rezende, no Cidade Alerta, como a “biquinho de lacre”, diz que sempre quis ter filhos. E se planejou pra isso: “sempre quis depois dos 30. Mas só queria engravidar quando viesse a vontade louca de ser mãe. E veio! Eu comecei a pensar que uma vida sem um filho, não teria graça”.

Depois de três meses de tentativas, Pietro, que está com 2 meses, nasceu. Narla, que fica todos os dias em frente à câmera (e câmeras engordam cerca de 5 kgs só na imagem) e que tem o árduo papel de noticiar fatos de Brasília, disse que não teve medo de engravidar ou ganhar peso. Ela simplesmente respondeu com uma frase: o meu trabalho nunca foi prioridade, a família sim.

Ela, que tem 32 anos, diz que está exercendo agora a função mais prazerosa que já sentiu na vida: ser mãe. Narla fez uma escolha, dividiu o tempo entre maternidade e trabalho, mas não se perdeu nas prioridades da vida. “Tenho a sorte de trabalhar apenas seis horas e não levo trabalho pra casa. Pela manhã ficarei com o bebe e à tarde minha mãe (que aposentou) vai ficar pra mim”.

O último censo do IBGE mostrou que a taxa de fecundidade do país cai há pelo menos 50 anos. Antes, era superior a 6 filhos por casal, agora, 1,9. Muitas mulheres tem decidido não ter filhos e a população brasileira, em números, tem envelhecido e encurtado ao longo do tempo. Na maioria das vezes, mulheres que decidiram não serem mães, querem focar na carreira e acreditam que uma criança poderia atrapalhar em algo que elas são completamente apaixonadas. No ponto de vista de Narla, “se o trabalho for a prioridade da pessoa, acho que não deve ter filho mesmo não. Filho não é um boneco, requer atenção 24 horas e muito amor. A maternidade só será prazerosa e plena se for muito desejada. Família sempre foi minha prioridade. Ícones da tv como Fátima Bernardes e Renata Vasconcelos têm filhos e parecem felizes”.

As decisões femininas fundamentadas em um universo em que vivemos hoje, fazem parte de um plano de vida que acaba indo muito além do que se tinha no passado. Muitos definem sucesso, com aquele “papinho” de que você o alcança ao ter uma carreira sólida. É por isso que Eva fez uma lista de prioridades para você se autoanalisar e definir o que é ou não prioridade na vida. Lápis e papel na mão!

PRIMEIRO PASSO:

Quais são as funções ou atividades que você quer exercer no futuro? Analise a vida lá na frente para que possa se estabelecer um vínculo entre o que você gosta e o que quer realmente alcançar.

SEGUNDO PASSO:

Avalie motivos. Por que eu quero isto amanhã? Seja franco e sincero com as suas respostas. Depende de você.

TERCEIRO PASSO:

Defina pelo menos 5 prioridades, em ordem de importância. Considere as funções que você executa durante o dia e o que você mais gosta. Pergunte-se: quanto tempo da minha vida estou dedicando para isso? Faça este exercício baseado nas questões anteriores.

É claro que a vida muda constantemente e você pode e deve se permitir errar. Portanto, esteja sempre atualizando as suas questões e pensamentos nesta estratégia. Saiba quem você é e aonde quer chegar. Narla decidiu e coloca como prioridade. Hoje, pela primeira vez responde à uma pergunta que nunca ninguém havia feito. O que é ser mãe para você? “Sou mãe há dois meses e pela primeiros vez estou respondendo essa pergunta rs. Pra mim, é exercer a função mais prazerosa da vida”.